Veja as funções que uma Contabilidade tem dentro de uma empresa

Muitos empreendedores olham para a Contabilidade como um mal necessário ou um órgão controlador dos seus movimentos e de suas equipes.

Pensamentos que, além de injustos, demonstram o desconhecimento do papel relevante que este setor e seus colaboradores têm na organização, justamente pelo que é visto com desconfiança: apontar fatos e os resultados destes fatos.

Nenhuma empresa pode prescindir de organizar seus fatos contábeis e fiscais – que são inevitáveis, pois são gerados por obrigações com entidades externas da empresa, como empresas públicas, financeiras e o próprio mercado.

Para obter um financiamento e alavancar os negócios, ou para participar de uma licitação pública, por exemplo, a empresa precisa provar sua saúde financeira e solidez estrutural, fatos que somente a Contabilidade é capaz de demonstrar.

Esta e muitas outras situações dependem de uma Contabilidade atuante, eficiente e também com um papel consultivo. Veja as funções que uma Contabilidade tem dentro de uma empresa e aproveite ao máximo este relacionamento.

Mas antes: o que é a Contabilidade?

Por ser uma área behind the curtains, que não aparece nos momentos visíveis do negócio – vendas, marketing, propaganda – muitos empresários têm dificuldade de definir a Contabilidade. Ela é uma ciência que:

  • Controla a evolução do patrimônio da empresa;
  • Registra todos os documentos das operações comerciais e financeiras;
  • Produz uma série de relatórios com as informações que demonstram as situações econômica, patrimonial e fiscal, que são destinados às análises internas e prestações de informações a entidades externas;
  • Exercer papel consultivo em todas as situações que envolvam os fatos acima.

Momentos cruciais com a participação da Contabilidade

Não é apenas na produção de dados e relatórios que a Contabilidade atua fortemente. Em vários eventos, ela terá papel fundamental, entre eles:

Planejamento Estratégico

Todas as decisões para o futuro da empresa passam pelas análises históricas que são produzidas pela Contabilidade.

Inventários Periódicos e Anuais

A Contabilidade provê toda a metodologia que a empresa deve usar e que deve estar em conformidade com as práticas legais e de mercado. E deve ser o setor responsável pela execução e geração dos resultados finais.

Estes resultados poderão afetar o lucro da empresa, através das perdas.

Financiamentos e Empréstimos

A Contabilidade deverá apresentar, rapidamente, os números da empresa, através dos demonstrativos, para que ela pleiteie crédito no mercado.

Licitações

Os órgãos públicos exigem uma série de documentos que são de responsabilidade da Contabilidade disponibilizar.

Fiscalizações

Toda empresa deve ter um contador responsável que assina documentos e representa a organização em eventos e fiscalizações, cabendo a ele prestar os esclarecimentos.

Quais os livros que são utilizados pela Contabilidade?

São muitos os livros contábeis, fiscais e sociais que a Contabilidade tem por obrigação gerar e apresentar a diversos órgãos nos prazos determinados ou quando solicitados. Os principais são:

  • Razão
  • Diário
  • Caixa
  • Contas correntes
  • Registro de Duplicatas

Com todas as informações contidas nestes e outros livros, são gerados os demonstrativos, que são os relatórios usados para apresentar os resultados de lucro ou prejuízo e demais indicadores para o mercado.

Importante lembrar que a obrigatoriedade de todos ou parte dos livros dependerão do regime fiscal ao qual a empresa estiver associado.

Quais os demonstrativos são gerados pela Contabilidade?

  • Balanço Patrimonial
  • Demonstração de Resultado do Exercício (DRE)
  • Demonstração de Lucros ou Prejuízos Acumulados
  • Demonstração de Valor Adicionado
  • Demonstração de Fluxo de Caixa
  • Notas Explicativas
  • Importante lembrar que a obrigatoriedade de todos ou parte dos livros dependerão do regime fiscal ao qual a empresa estiver associado.

Informações essenciais e controladas pela Contabilidade

Além dos livros e demonstrativos obrigatórios, a Contabilidade também deve ter controle sobre as informações abaixo (além de outras) e exercer um papel consultivo sobre a performance delas.

  • Situação financeira líquida: volume de capital de giro e quanto dele pode ser reinvestido;
  • Grau de endividamento: quanto a empresa tem de compromisso com credores;
  • Giro de estoques;
  • Controle de depreciação e vida útil de móveis, imóveis, veículos e equipamentos.

O papel fundamental da Contabilidade na gestão de custos e despesas

Através do registro de todos os documentos de receitas, investimentos, custos e despesas da empresa, e com a geração dos livros e demonstrativos, a Contabilidade pode apontar distorções de resultado, excesso de gastos, problemas com fluxo de caixa e inadimplência.

Assim, ela pode auxiliar nas tomadas de decisão, visando evitar problemas futuros maiores. Se você ainda não tem uma contabilidade para fazer isso tudo por você, então não perca tempo e corra para um escritório de contabilidade centro RJ.

 

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *